Lançamento: Os mosquitos nos Picam e a Culpa é do Noé

Venda Brasil:

https://editorainverso.com.br/pagina-de-produto/os-mosquitos-nos-picam-e-a-culpa-é-do-noé

..

Venda Exterior: https://www.etsy.com/uk/shop/MaezonaShop

Editora: Inverso Ilustração: Gustavo Seabra

Sinopse

Essa história começou há milhares de anos, logo após Noé construir aquela arca enorme para abrigar animais e fugir do grande dilúvio na Terra!

Vocês conhecem essa versão contada pelos humanos, né? Mas aposto que nunca ouviram a versão dos animais pelos olhos dos mosquitos! Uma brigalhada, um bafafá!

Nem te conto…ou melhor, conto sim! Vem entender tudo o que aconteceu naquela embarcação e vamos dar boas risadas juntos!

Já te adianto uma coisa: Se os mosquitos nos picam e atazanam com seus zumbidos é porque têm um bom motivo para isso: A CULPA É DO NOÉ!

Introdução

Sabem a história da Arca de Noé? Aquela que o Todo Poderoso ordenou que Noé e sua família construissem uma arca para salvar os animais do grande dilúvio na Terra? Pois então, imaginem se vocês fossem um mosquitinho e pudessem ver tudo de perto? 

A versão dos humanos todo mundo já conhece, mas essa aqui é a versão dos animais e se resume a uma grande faxina, uma piada mal feita, uma raposa espertalhona, um papagaio fanfarrão, mosquitos que só sabem zumbir, um elefante sábio, uma girafa generosa, um coelho raivoso, uma cobra venenosa, uma coruja atenta, um par de ratinhos corajosos e uma arca dividida por intrigas lutando pela sobrevivência!

Uma história recheada de balbúrdia e ordem, compaixão e egoísmo, desunião e trabalho em equipe, injustiça e coragem para fazer o certo, vingança e aprendizado… Qualquer semelhança com a raça humana terá sido mera coincidência. 

Divirtam-se!

Biografia Autora:

Thais Braga

Publicitária, carioca, residente em Londres, casada e mãe da Aurora de 6 anos, não exatamente nessa ordem! Tenho um blog sobre maternidade, MãeZona, no qual exploro o tema da maternidade com humor. Somando todas as plataformas, somos mais de 170 mil pessoas trocando experiêcias . 

Minha imaginação corre solta e quando o assunto é escrever e contar histórias, sinto que meu coração bate mais forte! Meu primeiro livro “A carta que transportava saudade” foi muito bem recebido pelos leitores e suas famílias, por isso resolvi continuar nessa empreitada do mercado editorial! Dessa vez ouso em publicar um livro infantil de humor, releitura de um dos maiores contos da humanidade, para fazer rir e criar memórias divertidas, que envolvam a literatura, com nossos pequenos! Espero que gostem!

Biografia Ilustrador:

Músico de formação, artista de alma e aventureiro da arte visual desde a infância. Levando tudo sempre muito a sério e rindo do que não pode evitar, 

“Eu criei a página ‘Humor Aquoso,’ via pela qual conheci Thais. Alguns meses depois da criação deste projeto, fui premiado no concurso “Reinações de Narizinho”, com uma publicação pela PAULUS editora de São Paulo. Desde então tenho ilustrado histórias infantis para diferentes clientes como o projeto Sinta o Som – RJ, Editora Inversa – PR, Mais Amigos – BSB e Resguarde Educação – RJ. Neste projeto, mais do que em qualquer outro, pude exercitar a comicidade que me aproximou da autora lá atrás, em 2016, quando a primeira proposta de Ilustração de “A Culpa é do Noé” me foi apresentada. Conheça mais sobre meus projetos: gustavoseabra.com

A Carta que Transportava Saudade

“A carta que transportava saudade” é um livro infantil escrito para as crianças que não podem curar as saudades com abraços! Fala sobre saudade de forma lúdica e ajuda a abrir o caminho para esse diálogo tão delicado. Esse tema é essencial para tempos de pandemia e isolamento social! Precisamos elaborar o assunto com nossos filhos.

COMO COMPRAR O LIVRO NO BRASIL?

No site da Livraria Cultura: Clique aqui para ser direcionado para a página certa . (Edit: Produto Esgotado! ❤ )

ou na loja física da Livraria Leitura, no RJ, Shopping Via Parque. Endereço: Avenida Ayrton Senna, 3000 Shopping Via Parque – Barra da Tijuca, Rio de Janeiro – RJ, 22775-904, Brasil. Telefone para contato: 21 3150-5152 (Poucos exemplares dispóniveis)

COMO COMPRAR O LIVRO NO EXTERIOR?

Se você morar fora do Brasil e quiser ter esse livro na biblioteca dos seus filhos, basta comprar pelo meu SITE>>>> CLICA AQUI!

Na versão do exterior o livro acompanha um cartão postal e adesivos exclusivos!

Outra opção é procurar as revendedoras da LIVROS FOR KIDS!

Leia mais sobre a história do livro no texto abaixo!

Conheça mais sobre o projeto:

A Carta que Transportava Saudade- Ilustração Carol Cunha

“Um livro escrito para todas as crianças que não podem curar suas saudades com abraços.

Vamos falar sobre a saudade ?

“A Carta que Transportava Saudade” é um livro infantil que fala sobre a saudade de forma lúdica! Um sentimento comum em nossas vidas, ainda mais em tempos de pandemia.

Estamos vivendo em uma época sem precedentes e as crianças estão sendo muito afetadas com o isolamento social.

Precisamos explorar assuntos que falem da saudade, da distância e da despedida. Esse livro é baseado em uma história real que nasceu com a intenção abrir o caminho para um diálogo profundo com nossos filhos. Eu espero que possa trazer algum conforto e reflexão sobre a falta, em todos os seus formatos.

A personagem principal é uma menina que sente falta dos avós e que para amenizar as saudades faz um desenho em formato de carta para enviar por correio.

Sua mãe promete postá-la, mas com a vida corrida, o envelope fica esquecido na prateleira da sala “acumulando” saudades.

No final do livro, a mãe entende que a carta representa muito mais que um simples desenho e precisa ser despachada para que a menina se sinta ouvida.

Uma história que trata sobre distância, saudade e até despedia, este último sendo no viés da morte. Se torna uma ferramenta para abordar assuntos delicados de forma leve. Uma solução para acalmar a falta, um incentivo para as crianças passarem seus sentimentos para o papel e os destinarem a algum lugar que seja especial para elas, seja para casa dos avós, dos amigos ou para o céu.

Que elas se sintam acolhidas, aliviadas e possam usar a arte como aliada no processo de expressão pessoal.

A Menina e a Saudade – Personagem que deu origem a história!

Sabe quem é essa? A menina tomada por saudade! Ela é branda, doce, nostálgica, sensível. Ela fica assim, com o semblante adormecido, sonhando acordada, recordando as memórias, os momentos marcantes que deixam os olhos cheios de lágrimas. Ela é o tom da saudade, azulada, meio distante, meio letárgica, a cor do mar, do céu, às vezes infinita. Ela é personagem do livro “A carta que transportava saudade” que está tomando vida! 💙

Direto do imaginário da autora Thais Braga para o papel, pelas mãos da artista-ilustradora Carol Cunha.

“Essa criança representa a saudade da minha menina, que mora dentro de mim, e também da menina que nasceu de mim e está sempre me lembrando que estamos longe da nossa origem. Somos uma família expatriada e a distância é nossa rotina, mas imagino que, atualmente, muitas famílias estão vivendo o isolamento e a morte precoce e sentindo na pele o significado da falta! Espero que quando esse livro sair possa ajudar muitas crianças e adultos a abrirem o espaço para o diálogo sobre essas questões que tocam fundo na gente. Se falamos de nossas preocupações elas tendem a diminuir, acho que é porque são divididas. Portanto, vamos buscar caminhos para falar sobre a saudade?” Thais Braga

Como surgiu a história?

Por Thais Braga

Cartas esquecidas na prateleira da sala e uma criança angustiada me perguntando quando seriam enviadas ao seu destino! Foi assim: minha filha fez umas cartinhas para os avós e eu não percebi que elas representavam muito mais do que um papel desenhado! As semanas passaram, até meses e em um desses dias nostálgicos, tentando lidar com a falta que a minha filha sente da família no Brasil e de seus amigos afastados por causa do Lockdown, fui conversar com uma amiga, que é psicóloga infantil, Mariana Simonaci, e ela me questionou:

– “Por que ainda não enviou as cartas? Dê destino a tudo que está ali!”

Pronto! Tive uma luz para escrever a história. A ideia inicial era acalmar a Aurora, mas no fundo, também escrevi para a menina aqui dentro de mim, que vive a mesma aflição! O resultado disso foi um ebook!

Como tenho uma página sobre maternidade, achei que seria interessante compartilhar aquele conteúdo com outras pessoas!

Eu tive um retorno emocionante de pessoas que adquiriram o ebook, que, assim como eu, também sentiram que serviu tanto para eles como pros filhos! Me contaram como abriu o caminho para uma conversa sincera com as crianças, ficaram surpresos! É um privilégio enorme fazer parte de algo tão significativo, num momento tão delicado e ao mesmo tempo, de forma tão sutil.

Nesse momento de pandemia, em que a saudade, a distância e a despedida fazem parte de nossas vidas, eu tenho certeza que essa história será muito útil para muitas famílias!

Ilustração: Carol Cunha

Curtiu o projeto? Quer apoiar, me dizer o que achou ? Então me manda um email: maezonaemail@gmail.com

Aproveita e se cadastra no Newsletter da Mãezona para ficar sabendo quando acontecer: http://eepurl.com/cINZ0P

Destaque na coluna de Guilherme Amado- Revista Época (OGLOBO)

Destaque no Jornal impresso e online para falantes da Língua Portuguesa em Londres (Notícias em Português) Link: https://www.noticiasemportugues.co.uk/2021/03/22/brasileira-lanca-livro-sobre-saudade-entre-criancas-expatriadas

Matéria na revista impressa/online, Leros Magazine, de Londres. Link: https://bit.ly/3gHgH0E

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s