Não rotulem, não julguem, não menosprezem, não minimizem.

Tenho dificuldades para explicar às pessoas que não é bacana ficar rotulando os filhos dos outros de acordo com conclusões precipitadas vindas de visitas, encontros esporádicos e momentos/períodos caóticos. Terceiros adoram apelidar: esse é arteiro, bagunceiro, tímido, inibido, comilão, mimado. Quando dizem que minha filha é "levada" porque ela está com sono, cansada e se … Continue lendo Não rotulem, não julguem, não menosprezem, não minimizem.

Anúncios

O primeiro caixote no mar

Aurora tomou seu primeiro caldo no mar. Eu, de costas pra ele e de frente pra ela, admirando seu encantamento com as ondas não percebi uma maior se aproximando, não pude evitar. Foi bem na beirada, mas ela ficou com o cabelo coberto de areia. Tomou o maior susto. Depois de a levantar e explicar … Continue lendo O primeiro caixote no mar

Vamos falar sobre desmame

Muitos me disseram pra desmamar mais cedo porque quanto mais velha, mais dificuldade a criança teria de largar. sinceramente não sei se a idade influencia tanto nesse processo, só estou passando por essa experiência com Aurora, mas eu tenho a sensação que seja difícil em qualquer fase. A diferença é que a criança mais velha … Continue lendo Vamos falar sobre desmame

Maternidade é um iceberg

A maternidade é uma caixinha de surpresas, né? Ontem uma amiga me perguntou porque me referia à maternidade com tanto "sofrimento". Eu disse que, para mim, essa fase inicial é muito difícil. Que nós, como mães, nos descobrimos como uma outra pessoa, nos negamos por um tempo. Negamos nos cuidar, sair, viajar, comprar algo para … Continue lendo Maternidade é um iceberg

Pais têm aval para serem babacas

Ontem eu e meu marido estávamos indo embora de um fast food (me julguem kk) e saímos naquela correria bem conhecida por todos os pais. Apesar da Aurora estar dormindo, a gente queria pegar o trem logo e aproveitar parte do trajeto com ela apagada (só quem tem filhos entende o drama de ficar 40 … Continue lendo Pais têm aval para serem babacas

Obediência x libertação

Essa cena é inesquecível, né? O carinha (no caso, Gene Kelly) todo feliz depois de beijar sua amada, sai por aí, dançando e cantando na chuva! Esbanjando alegria, bom-humor, muita ginga com seu sapateado numa uma trilha sonora de matar!   No final ele é interrompido por um policial, que cruza os braços e faz … Continue lendo Obediência x libertação